.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>
_

_ quarta-feira, maio 24, 2006 _


a) Art Bitch dos Cansei de Ser Sexy.
a editora Sup Pop contratou os Cansei de Ser Sexy. a Pichfork faz a crítica e erra quando atribui o género baile funk. gosto da Bezzi, não entendo muito bem a letra porque não percebo o significado de maioral, mas gosto de lavar o chão ao som da Bezzi. há ainda outras duas músicas que valem a pena: Superafim de mim e Let's make love and listen to Death From Above. forcei-me a gostar dos Cansei de Ser Sexy porque o nome da banda merecia.

b) o novo disco dos Phoenix
a crítica esquece-se de dizer que a realizadora Sofia Coppola, em princípio, está grávida do vocalista dos Phoenix. ah, estive a ler coisas sobre o filme, a Marie Antoinette não chega a ficar sem cabeça. fiz uma lista das músicas que aparecem na banda-sonora e há uma dos Cure que desconhecia e vale muito a pena, Plainsong.

c) Uh Huh Her (live) da PJ Harvey
gosto de algumas músicas do disco, mas começou a irritar-me o facto da PJ Harvey insistir em ser uma rapariga muito feminina que sabe tocar guitarra. aquela coisa de usar mini saia e decote profundo nos concertos contraria a seguinte regra de gaja: ou se chama a atenção para as mamas ou se chama a atenção para as pernas.

d) um disco do Jarvis Cocker e do Steve Mackey
não percebi a ideia mas conheço uma rapariga que vai gostar.

João | 17:29 |

10 Comments:

At 24/5/06 19:29, Blogger imightbewrong said...

nao conhecias a Plainsong? Que tristeza..

 
At 24/5/06 22:01, Blogger duarte said...

Argh! Spoiler!

 
At 24/5/06 22:35, Blogger duarte said...

Perdi os Phoenix desde que os encontrei, viciei-me naquele primeiro single (julgo que foi o primeiro) e depois, não sei bem porquê, nunca tive ou procurei mais notícias deles. Devia ser mais dedicado às fontes informativas. Hajam blogs destes, que é o que se precisa. Momento "graxista" do dia.

 
At 25/5/06 00:19, Anonymous poney honey money said...

bem,o review das CSS.o pior é que,à excepção da classificação desastrosa como baile funk,é provavelmente tudo verdade.claro que-valha-nos a pitchfork-já não dá para termos o nosso pónei.num gesto de puro situacionismo, sabemos perfeitamente que para eles,o que é bom agora será fraco amanhã,e ironicamente bom daqui a dois anos.

lembra-me a diferença entre antropologia e sociologia.a pitchfork vai fazer observação dos hipsters,mas não participa;por isso é que falha os comboios e tem que inventar alguns.

v."acho pouco bom","let's make love and listen to death from above",já agora.o "superafim" devia ser dado nas escolas.BOLSINHA BAGUÉTCH?ah,e maioral existe em português de cá.

tb li sobre o marie antoinette e a técnica quase brechtiana de reflectir o presente no passado. será sobre a paris hilton? fumam-se cigarros como quem puxa ganzas e ela diz que andou a ouvir adam&the ants.*

 
At 25/5/06 00:52, Blogger João M said...

sapatênis de vinil bolsinha baguete luvinha de pelica você não me esquece lesbian chic sapacaxa do agreste superafim superafim superafim de mim.

*

 
At 25/5/06 09:24, Blogger rita said...

me, me, me.
tenho de ver isso.

joão..a regra de chamar a atenção só para as pernas ou só para as mamas não se aplica à PJ Harvey. Primeiro porque ela não tem mamas, segundo porque ela não precisa de chamar atenção para nada.

 
At 25/5/06 13:29, Anonymous little p said...

Two words : Spank Rock

Até agora o disco de 2006 com melhor produção.

http://www.myspace.com/spankrock


yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo,yo

 
At 25/5/06 17:33, Anonymous Anónimo said...

Os Yeah Yeah Yeah's imitam a siouxsie, e de imitadores não passam. são tão originais quanto um copo de leite de vaca

 
At 26/5/06 00:57, Blogger João M said...

conheci a Siouxsie a cantar Yo!Yo!Yo! no último disco dos Basement Jaxx, desculpa. mais facilmente associo os Yeah Yeah Yeah aos Pretenders.

ahah, essa do leite de vaca é bué inteligente!

 
At 26/5/06 06:05, Blogger Simone said...

Na única festa em que toquei como DJ, misturei a "Barbie girl" (não a versão do Aqua, mas uma versão brasileira de uma "cantora" chamada Kelly Key) com a "Superafim". Tudo a mesma coisa. "Cansei de ser sexy" é 90% fraude.

 

Enviar um comentário

<< Home