.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>
_

_ domingo, abril 09, 2006 _



ando viciado no dusk/dawn mode da máquina fotográfica. as pics ficam todas com um ar quase nocturno, mesmo as que tiro na praia num domingo solarengo às 16h da tarde. exemplo acima. não preciso de luz amarela porque um fitro azulado é suficiente para melhorar o mundo.

hoje passeei com a família materna pela Nazaré. não me lembro de alguma vez ter publicado aqui uma fotografia que me comprove a existência física, mas quando a minha tia tirou esta, estava ao mesmo tempo a contar aquela história do colega da fábrica que pôs as fotografias da mulher nua na Internet, e depois a mulher fugiu com outro porque era tonta, e divorciaram-se. ela conta sempre esta história quando está perto de máquinas fotográficas, eu respondo sempre que um divórcio não é o fim do mundo.
João | 19:45 |

8 Comments:

At 9/4/06 21:48, Anonymous Anónimo said...

os losangos da camisola é mto nice.


nowadays

 
At 10/4/06 10:14, Anonymous Anónimo said...

gosto do teu mundo - às vezes todos precisamos dum filtro azul.

 
At 10/4/06 11:30, Blogger O Puto said...

Corroboro a última frase por experiência própria.

 
At 10/4/06 12:28, Anonymous filipe said...

não queria estragar os comentários mas tens frases muito engraçadas e eu sou um coca-bichinhos. gostava que os meus dias fossem tão bons quanto os teus. primeiro, os teus devem ter 48 horas (se tens 16 da tarde, também tens 16 da manhã). a mim, 24 horas não me chegam :( segundo, um domingo solarengo na praia, belo sítio, belo sítio para ter um solar... solarengo refere-se apenas a solar e não a sol... 48h num solar à beira do mar - that's quite a dream of mine... oh well...

 
At 10/4/06 16:09, Anonymous Anónimo said...

E ela fugiu com alguém que tenha visto as fotos publicadas na net? Se assim foi, esta história tem muita moral.

Filipe.

PS: Onde compraste esse pullover? É tão giro.

 
At 10/4/06 16:25, Blogger João M said...

ó filipe com minúsculas. obrigado pelas correcções. sempre usei a expressão 'solarengo' e não me lembro onde a aprendi. provavelmente é uma coisa da terra - suponho que não exista nem como derivação de solar. não é caso único. na zona centro também é mais ou menos comum utilizar a expressão 'desfolhar um livro' em vez de 'folhear um livro', e ainda hoje me sai essa com muita facilidade.

 
At 10/4/06 16:29, Blogger João M said...

it was an honest mistake

 
At 10/4/06 18:08, Blogger O Puto said...

I'm your secretary! :)

 

Enviar um comentário

<< Home