.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>
_

_ sexta-feira, novembro 25, 2005 _


teoria #1
as pessoas desprendidas tornam-se atraentes porque nunca se tem realmente a certeza que gostam de nós. em parte gostamos delas por estarmos reféns de uma dúvida.

João | 19:28 |

8 Comments:

At 25/11/05 21:14, Blogger nuno q. said...

hum. bem observado. ergo, os "indivíduos-lapa" são geralmente pouco interessantes. confesso: evito-os a todo o custo porque eu próprio sou *demasiado* desprendido em relação aos outros.

(tendência para este outono/inverno: tornar-me dependente.)

 
At 26/11/05 01:32, Blogger O Puto said...

Boa dica!

 
At 26/11/05 01:57, Blogger gonn1000 said...

É bem verdade, e consequentemente quando os tomamos como certos esvai-se parte do interesse.

 
At 26/11/05 03:20, Blogger COCOnaVENTOINHA said...

ya é tudo muito bonito mas muito nível 1...
E que tal por isso para trás e trazer as breves frases metafísicas das relações para um nível avançado?

(isto é um incentivo à quebra da inércia)

 
At 26/11/05 03:34, Blogger João M said...

não é nada nível 1. de momento estou de volta à sinceridade.

 
At 26/11/05 09:29, Anonymous dinis said...

mas a dúvida e a incerteza são coisas tão aborrecidas.

 
At 28/11/05 03:00, Anonymous astropastor said...

É por isso que, "nunca lhe ligues na primeira semana".

 
At 28/11/05 10:30, Blogger João M said...

uma semana inteira? pensei que o período de nojo durasse apenas um ou dois dias.

 

Enviar um comentário

<< Home