.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>
_

_ terça-feira, novembro 29, 2005 _



nesta cena, o poster afixado na parede pertence a um filme que não existia. era um projecto antigo de Almodóvar e vai ser a próxima obra a estrear.

li o breve diário que o realizador escreveu na sua página oficial. gostei desta entrada:
Oigo leer a Carmen, integrando mis indicaciones y siento que seguimos siendo los mismos de “La ley del deseo”, tengo que tocarme la barriga para darme cuenta que el tiempo ha pasado. Diecisiete años.
a Carmen é a actriz Carmen Maura, o fantasma do filme, que na sua versão final não se chama "La Abuela Fantasma" mas sim "Volver". o Almodóvar toca na barriga para sentir a passagem do tempo.
João | 11:22 |

4 Comments:

At 29/11/05 12:53, Blogger Phoebus Lazurd said...

hm..
confesso q me tinha ficado a imagem do cartaz.. posto ali afinal com 2ªs intenções..
o que falaste do novo filme deixou-me curioso
dps espreitarei o site :>

 
At 30/11/05 10:55, Blogger bicho_de_conta said...

Qual cartaz?

Nessa imagem dificilmente se repara noutra coisa que não no mexicano que a gente sabe :-D

 
At 30/11/05 11:10, Blogger João M said...

Bem pode a batata pedir perdão, nunca mais escreveu no seu sofá! Humpf!
Se fizeres muita força e desviares os olhos um bocadinho para a direita, há um cartaz na parede... :p hugs.

 
At 1/12/05 19:12, Blogger gaja said...

Peço desculpa mas terei de discordar. Sempre foi óbvio que o Almodóvar tinha óptimos gostos musicais. Por acaso não conhece o disco "las canciones de Almodóvar"? É uma autêntica pérola. Desde as suas próprias extravaganças musicais dos anos 80 (como satanassa, susan get down, gran ganga ou voy a ser mama), até pérolas da musica latina como puro teatro. Agora uma coisa é certa, o rapaz refinou os seus gostos musicais, tem mais estilo hoje... como aliás têm mais estilo e são mais refinados os seus decors e os seus guiões. Infelizmente, ou não, terminaram os dias em que havia concursos de tamanhos de pénis ou freiras junkies nos seus filmes!

A mana tesoura

 

Enviar um comentário

<< Home